sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

SINCRONIA: A Certeza do Relacionamento


QUINTA-FEIRA, 15 DE DEZEMBRO DE 2011



Por: Oscar Quiroga
Conte com ela!
Ano vai, ano vem, ano passa, ano permanece, sempre você elevará mentalmente ao céu a vontade de compartilhar seu caminho através de um ótimo relacionamento, mas com a mesma frequência a prática acaba contradizendo a esperança.
Porém, a contradição fica toda por conta da ingenuidade com que se tratam os relacionamentos humanos, tentando as pessoas se convencerem de que esses deveriam ser os ambientes de descanso em suas vidas, quando na prática é tudo o contrário, por ser os relacionamentos tão importantes na vida humana, será sempre nesses que se refletirão as profundas guerras que travamos dentro de nossas próprias almas.
Contudo, há uma diferença radical entre simplesmente transferir inconscientemente essas guerras interiores aos relacionamentos e aproveitá-los para, em conjunto, colaborar mutuamente para ir ainda mais longe e acelerar o processo de metamorfose que conduz a nos aproximarmos conscientemente da divindade.
Kierkegaard, o filósofo, convenceu todo mundo de que a única certeza de nossa humanidade seria a morte. Porém, a lista de certezas é muito mais longa, incluindo o ato de relacionar-se, é completamente certo e seguro que os humanos nos relacionaremos ao longo da existência, isso é tão certo e seguro quanto nossos falecimentos.
Por isso, ao passo que devemos tratar com carinho a certeza da morte, devemos tratar com todo cuidado nossos relacionamentos, pois esses são uma parte importantíssima de nosso processo evolutivo.



















ESTAR EM SINCRONIA - SINCRONIZAR 
Aurélio Buarque de Holanda define como o ato de combinar (ações ou exercícios) para o mesmo tempo. Mas e na prática, sabe como isto funciona???
Veja um exemplo prático no vídeo a seguir:


Entendeu agora???

Simples, não?!? rsssss

Nenhum comentário:

Postar um comentário