quinta-feira, 26 de setembro de 2013

E a vida continua...

Não sei se o correto seria dizer "RENASCER". "RESSURREIÇÃO" é certo que não é. Acho que esta condição coube a uma só pessoa. Pelo menos é o que vem em minha lembrança no momento. Talvez o correto fosse equiparar por analogia à Phoenix, pássaro magnífico e fabuloso que segundo a lenda, ardia durante o dia e apagava nas trevas da noite, para que depois renascesse das cinzas. Mas isto também não seria correto, pois não aconteceu de eu morrer e muito menos com frequência.
Hoje completo três anos de uma nova vida (26 de setembro de 2010) quando fui atingido por dois disparos de pistola que o destino me pregou. Eu não sei porque o "velhinho" lá em cima os desviou de um resultado desafortunado, para não dizer "mais" fatal ("mais" fatal foi horrível, hehe!). Digamos catastrófico. Mas que o aviso foi dado e captado, ah! isto foi!

Vulgarmente falando, levei um belo "cagaço". kkkkkkkkkk

10 ou 15 centímetros próximo do cérebro e da coluna, são partes do corpo que se atingidas por projéteis, reagiriam de forma indesejada por qualquer ser humano.
São situações como estas que nos acordam para a vida e independentemente de nossa carga de problemas, o importante é superá-los e não se entregar ao desespero que, porventura deles possam advir. Temos de imitar a Phoenix; sair das cinzas para a vida.

Com a ajuda de alguma força superior a nossa fé nos deixa em alta e por isso achei interessante a analogia, porque a Phoenix não desiste e sim ressurge, toma força.

Mas sem inveja, mentiras e falsidade, nós podemos mesmo é buscar a inspiração em Deus que é o único que pode nos ajudar em momentos difíceis.

VIVER A VIDA!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário