Ganhe Bitcoins

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Reminiscências (*) 18


Meu amor me tirou do chão
Me senti além do horizonte
Tudo o que queria era viajar contigo
Mas acho que preciso dar um tempo

Entender que não te quero mais... Não!!!
Acreditar que não me querem mais... Sim!!!

Eu só queria um amor de verdade
Eu só queria amar de verdade
Eu só quero a outra metade
Do meu coração que um dia tu roubou
Por favor!!! Quero ele de volta...

Saibas que a delícia de estar contigo
Ainda fazem a minha cabeça
Mas não quero mais ficar
Com os olhos avermelhados.
Vou tentar te esquecer
Antes que eu me esqueça!!!
18.10.13 às 17:30h



Não te assuste!!! 
O pior já passou... e saímos ilesos... 
Com a alma em pedaços, mas fisicamente ilesos. 
Sobrevivi silencioso aos gritos que a tua ausência me fez ouvir.
24.10.13 às 1:35h



Às vezes penso que insisto                           
Porque não sei desistir                                  
Mas imediatamente sei por que invisto
Pois só de pensar nela começo a sorrir
E é nessa felicidade que eu reconquisto
Esperando que a mesma volte a surgir.

De qualquer tristeza e saudade                     
Não poderia nunca reclamar
Pois se curti a felicidade
Deveria agradecer com o teu chegar
E que tudo isso foi mesmo verdade
Ainda que não pudesses ficar.

Dormir debruçado sobre a mesa
Acompanhado de um choro silencioso
Mas é só valorizando a tristeza
E aprender a ser paciencioso
Ouvindo algum disco da Bossa
Sofrendo e curtindo uma fossa.
28.10.13 às 20:35h



(*) Segundo Platão, "lembrança do que a alma contemplou em uma vida anterior, quando, ao lado dos deuses, tinha a visão direta das idéias."

Nenhum comentário:

Postar um comentário